Webmail
Voltar ao início



 
Pesquisa | por tema

O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

home Home | noticias


UNIVEM-SANTANDER

Alunos retornam de intercâmbio com enorme bagagem cultural

Os alunos do Univem Gustavo Cassetari Poletto do curso de Engenharia de Produção; Sylvia Ribas Losasso, Andrezza Souza Ramos e Gustavo Perinetti dos Santos do curso de Direito e Thiago Gonçalves da Costa, de Ciência da Computação retornaram ao Brasil na última semana, após intercâmbio de um mês em Portugal, Espanha e Canadá promovido pelo Centro Universitário Eurípides – Univem através do programa de bolsas de mobilidade internacional do Banco Santander. Também foi contemplado com bolsa, o mestrando em Direito, Anderson de Souza Pinto.
Na oportunidade o grupo participou do VIII Encontro Luso-Brasileiro de Direito na Universidade de Lisboa. O evento organizado pela Universidade de Lisboa, Universidade Estadual do Norte do Paraná e UNIVEM abordou temas como corrupção, a situação dos refugiados e o Direito dentro das relações humanas.


“Cresci muito como pessoa. Essa oportunidade que a instituição nós dá é fundamental para esse desenvolvimento pessoal e profissional. Através da bolsa pude vivenciar uma outra realidade e certamente agregar mais conhecimento ao meu currículo”, afirmou Gustavo Poletto, aluno de Engenheria de Produção. 

“Observamos um panorama comparativo entre a ciência jurídica brasileira e a portuguesa, que assim como a nossa passa por mudanças e transformações a cada dia. Trouxemos na bagagem um conhecimento que dificilmente conseguiremos explicitar com palavras”, destacou Andrezza Ramos, Direito


Para Gustavo Pirenetti dos Santos, aluno de Direito, o Brasil tem sofrido com constantes escândalos de corrupção e operações policiais cada vez mais alarmantes, e por tais razões, as discussões do VIII Encontro Luso-brasileiro em si não poderiam ter sido mais relevantes.


“Participar desse tipo de intercâmbio agrega e muito na vida acadêmica. Mais que isso, é uma experiência cultural, uma vivência que amplia não somente o conhecimento, mas a maneira de ver e compreender a história”, comentou Thiago da Costa, aluno de Ciência da Computação.


Para a aluna de Direito, Sylvia Ribas Losasso, essa troca de experiência é imprescindível para a formação profissional. “Em Portugal há um Tribunal específico para tratar da corrupção, muito diferente daqui. Hoje, vivemos uma realidade bem diferente dos países europeus e a forma como cada um trata a questão é importante para ampliarmos o conhecimento. Só posso a agradecer. Com certeza, é uma experiência que vou levar para minha vida pessoal e profissional”, afirmou.

 


voltar

Últimos eventos | imagens
Prefeitura, Sebrae e Startup de Araçatuba visitam ambientes de inovação geridos pelo Univem
[Ver o album]